Contagem regressiva para chegada do Taj Bar em Brasília

Nesta quarta-feira, 19 de julho, um dos empreendimentos da área de entretenimento e gastronomia mais esperados de 2017 abre as portas na capital federal. Com um conceito surpreendente de bar e restaurante e uma estrutura de mais de 1500 metros quadrados, o Taj Bar apresenta um projeto arquitetônico impactante, assinado pelo premiado internacionalmente, Guilherme Bez, que promete chamar a atenção do público com dragões e budas gigantes. Com forte influência da cozinha oriental, a culinária do Taj apresenta desde pratos frios – inspirados na culinária japonesa – a um marcante menu quente, fiel à gastronomia indiana e tailandesa.

010517-2109-IM2_6079

O casal Débora e Rossano Araújo são sócios e proprietários do lounge bar. Desde que conheceram o Taj de Curitiba, se encantaram pela proposta da casa e resolveram trazê-la para Brasília. “O Taj traz um ambiente descontraído, com gente bonita, música eletrônica de primeira qualidade, aliado a drinks exóticos e pratos muito bem elaborados e saborosos. É a combinação perfeita”, explica Débora Araújo. “Foram quatro anos de amadurecimento e negociação com a marca, somados a 10 meses de muito trabalho, nas obras. Nós garantimos que o resultado final vai surpreender e muito o público de Brasília. Sem dúvida, consiste na concretização de um sonho”, finaliza Débora.  Um dos maiores diferenciais da casa é o TAJ Pharmacy – uma linha da marca que apresenta a coquetelaria clássica, inspirada nas farmácias dos anos 1940, com “prescriptions” das bebidinhas, com direito a xaropes medicinais, tubos de ensaio, beckers de vidro e provetas. A iniciativa é de autoria do mixólogo, flairbartender e professor de coquetelaria, Pablo Moya.

030717-2130-DY7A6957

Serviço: TAJ Bar

Local: Setor de Clubes Esportivos Sul Trecho 2 – Asa Sul

Horário de Funcionamento: das 18 às 2 da manhã.
Crédito de fotografia: Marcel Kriegl/ Leonardo Izar

Receita Leve: Brigadeiro Fit de Biomassa da Nanda Carneiro

brigadeiro_fit_blog_grifina

 

A biomassa de banana verde é quase uma soja: vira qualquer coisa. Tem quem faça pães, biscoitos, molhos, maionese, sucos e até mesmo bolos. Quando a banana verde é cozida, ela libera um amido que tem ação parecida com a das fibras no nosso organismo. Por isso, auxilia o funcionamento do intestino e reduz o acúmulo de gorduras no corpo. Além disso, é fonte de vitaminas antioxidantes e minerais. Mas a melhor parte: vira um leite condensado fake maravilhoso, sem o gosto da fruta. Dá para criar várias receitas deliciosas :)

Para a Biomassa:

1 cacho de banana verde
Água até cobrir a fruta na panela de pressão

Modo de fazer: Tire as bananas do cacho mantendo o cabo, para que nenhuma parte dela fique exposta. Lave-as com água e sabão. Coloque a água para ferver na panela de pressão. Quando isso acontecer, coloque as bananas. Feche a panela e quando começar a apitar, deixe por mais 10 minutos. Desligue o fogo e deixe a pressão sair por cerca de 20 minutos. Abra a panela e, após as bananas esfriarem, descasque-as e leve-as ao liquidificador com um pouco de água quente (água nova, não a do cozimento) até virar um creme.

Para o leite condensado de biomassa:

10 colheres de sopa de biomassa
3 xícaras de leite desnatado em pó
5 colheres de sopa de adoçante culinário
150 ml de água morna.

Modo de fazer: Coloque tudo no liquidificador e adicione a água aos poucos, até que fique homogêneo.

Para o brigadeiro:

6 colheres de sopa do leite condensado de biomassa
1/2 lata de leite condensado sem açúcar (uso o da marca Hué)
2 colheres de sopa de achocolatado sem açúcar
3 colheres de sopa de cacau em pó sem açúcar

Modo de fazer: Leve tudo ao fogo até desgrudar da panela e deixe esfriar para colocar nos copinhos. Para os outros sabores, basta trocar o cacau e o achocolatado por coco ralado e amendoim triturado.

 

brigadeiro_fit_grifina_blog

 

%grifina Bolo de Cenoura Fit da Nanda Carneiro!

Mais receitas da Nanda Carneiro no instagram: @nandap_carneiro

Fernanda Carneiro

email: nandap.carneiro@gmail.com

Receita de Cheesecake Diet da FitChef Nanda Carneiro

cheesecake_2_grifina

Grifinas! Esqueçam as versões americanas cheias de creme de leite e gordura. Para você que, como eu, ama cheesecake, pode “se jogar” nessa versão diet beeeeem levinha. Sucesso e muito amor já na primeira garfada :)

Ingredientes:

Massa:

 1 pacote de biscoito light ou diet (pode ser cookies, maisena, etc)

 4 colheres sopa de manteiga Ghee/clarificada em temperatura ambiente

Creme:

1 xícara de cream cheese light

1 e ½ xícara de ricota light

1 xícara de iogurte desnatado

1 xícara de adoçante culinário

2 colheres de sopa de farinha de arroz

2 colheres de sopa de suco de limão

1 colher de chá de essência de baunilha

6 claras

4 colheres sopa de geleia diet da sua preferência

Amêndoas laminadas e morangos para decorar

Modo de Fazer:

Triture o biscoito até formar uma farinha e misture com a manteiga Ghee derretida até que vire uma massa. Espalhe essa massa em uma fôrma de 22 cm de diâmetro com fundo removível, faça furos com garfo para não criar bolhas e coloque no forno por apenas 5 minutos. Reserve. Na batedeira, misture o cream cheese e a ricota. Adicione o iogurte, o adoçante, a farinha, o suco de limão e a baunilha. Acrescente as claras (uma a uma) e continue a bater até misturar tudo. Transfira para a fôrma com a massa pré-assada. Leve ao forno médio por volta de 50 minutos. Após esfriar, coloque a geleia de morango diet e as amêndoas laminadas por cima.

cheesecake_1_grifina

(consulte seu nutricionista)

div

Mais receitas da Nanda Carneiro no instagram: @nandap_carneiro

Fernanda Carneiro

email: nandap.carneiro@gmail.com