“Correndo Melhor” – texto do Personal Trainer Guilherme Henrique

foto 3Vanessa Vasconcelos participando de corridas de rua após ter sido treinada pela equipe Estação Ativa

“A corrida de rua está em alta em todo o país. Diversas pessoas estão praticando a modalidade e participando de provas, como atletas amadores, sempre em busca de melhorias em seu desempenho.

Porém, muita gente vem correndo sem orientação e o resultado é um grande número de pessoas se lesionando por conta da modalidade, além de diversas outras que não conseguem melhorar seu rendimento.

Hoje vamos nos concentrar nos casos de pessoas que treinam, treinam e não evoluem nunca, ou evoluem a passos lentos.

O que acontece é que devido à falta de orientação, as pessoas não seguem um treinamento sistematizado e individualizado. Simplesmente saem correndo por aí e quando começam a sentir que está mais fácil (percepção subjetiva de esforço), aumentam a distância percorrida. Dessa forma aumenta-se sempre o volume, o que, consequentemente, irá reduzir a intensidade.

Emil Zatopek foi um dos atletas pioneiros na utilização de treinos intervalados de alta intensidade. Talvez por isso tenha conseguido feitos tão surpreendentes, como vencer em uma mesma Olimpíada (1952) as provas de 5000m, 10000m e a maratona.

Posteriormente, estudos clássicos publicados por Tabata. et al (1996 e 1997), Billat ( 2001a e 2001b), entre outros, mostraram a importância de realizar treinos intervalados de alta intensidade para melhorar não apenas o VO2 máximo, mas também aumentar o limiar anaeróbio e otimizar a oxidação de gordura.

Quem deseja participar de corridas de fundo precisa sim fazer trabalhos com um volume maior de treino – não dá pra negar – mas não se deve aumentar esse volume demasiadamente, nem a qualquer momento, muito menos fazer treinos volumosos em todas as sessões. Por isso procure sempre um profissional de Educação Física para orientá-lo e prescrever seu programa de treinamento, buscando, assim, otimizar seus resultados e sua segurança para evitar lesões – tema do nosso próximo texto – o que nos deixaria afastados dos treinos, nos distanciaria dos nossos objetivos e, ainda, afetaria diretamente nossa saúde.”

Guilherme Henrique Nascentes – Personal Trainer

CREF 9552 G/DF

ghnascentes@gmail.com / (61) 9232-9994

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *